Home Análises Relembrando Alisia Dragoon (Mega Drive)

Relembrando Alisia Dragoon (Mega Drive)

0

Olá pessoal! Tudo bem? Aqui é a Sora e hoje vou falar sobre um dos meus jogos favoritos do Mega Drive: Alisia Dragoon. Bom, conheci Alisia Dragoon ainda na infância quando o vi em uma locadora. Porém, eu só tinha o Master System e foi triste ter que deixar aquele cartucho de plataforma que me parecia tão divertido para trás.

Com o passar do tempo, passei a ter acesso aos jogos do Mega e na primeira oportunidade que tive, joguei Alisia Dragoon e tive a confirmação de que aquele era um dos melhores jogos do console (pelo menos para mim).

Lançado em 1992, Alisia Dragoon foi desenvolvido pela Game Arts (sim, o mesmo estúdio responsável pelos jogos das séries Grandia e Lunar), com artes e história da Gainax, um nome bem conhecido pelos fãs de anime, já que ele é o estúdio responsável pelo aclamado Neon Genesis Evangelion.

Este é um jogo de plataforma com um estilo único que agrada a quase todos que jogam. Ele se passa em um universo de fantasia muito bonito, que fica ainda mais completo com a belíssima trilha sonora produzida pela Mecano Associates, e tem uma protagonista feminina muito interessante. Mas apesar da recepção da crítica ter sido muito boa no seu lançamento, ele acabou passando despercebido por boa parte dos gamers.

A filha de um feiticeiro em busca de vingança

Alisia Dragoon se passa em um mundo fantástico repleto de magias de dragões. O pai de Alisia era um feiticeiro que tentou impedir Baldour, um deus maligno que queria trazer caos e destruição para a Terra. Porém, as coisas não deram muito certo e, junto com o seu ajudante, o feiticeiro Omah, Baldour matou o pai de Alisia bem na frente dos olhos da garotinha.

Durante muitos anos, Baldour ficou repousando em uma cápsula no espaço para recuperar os seus poderes, e nesse meio tempo Alisia cresceu e se tornou uma poderosa feiticeira que além de usar magias, tinha o poder de controlar dragões (daí o nome Alisia Dragoon). Agora que Baldour está de volta, a jovem vai atrás dele para impedi-lo e vingar a morte do seu pai.

Este é um jogo que teve umas mudanças entre as versões ocidentais e orientais, e essas mudanças já começam na história. Na versão ocidental, Alisia é apenas uma aventureira “escolhida” para derrotar o mal trazido por uma estrela de prata que voltou para a Terra.

Outra bastante comentada é a capa, que na versão ocidental coloca Alisia como uma amazona com um biquíni dourado (sendo que em momento algum a protagonista veste qualquer coisa semelhante).

À esquerda, a capa japonesa e à direita a versão ocidental. Quanta diferença, né?

De uma floresta a uma fortaleza no espaço

Se tem um problema do qual Alisia Dragoon definitivamente não sofre é de repetição. Além de cenários variados com fortes influências de ficção científica e das obras de Hayao Miyazaki, o jogo nos apresenta belas fases cheias de detalhes e desafios. A presença da Gainax definitivamente fez bastante diferença, visto que tudo é muito bem trabalhado, desde as animações até os sprites dos inimigos são variados e tem designs muito bem elaborados.

Outra coisa que não posso deixar de comentar é a trilha sonora fantástica que realmente nos transporta para um mundo de fantasia medieval digno das obras de Tolkien. Na abertura do jogo já somos recebidos com uma melodia mais melancólica tocada por órgão e isso é só o começo. Além das tradicionais “batidinhas” presentes nos jogos da época, as músicas também trazem flautas, pianos e tambores. Acha que estou exagerando? Então dê uma conferida na música da primeira fase do jogo:

Confira também a trilha sonora completa:

Alisia Dragoon é uma mistura de shooter com plataforma no qual a protagonista dispõe de poderes mágicos para enfrentar os inimigos. O ataque principal de Alisia é um raio que atinge os inimigos automaticamente, podendo até se dividir quando está no auge do seu poder.

Enquanto mantém o botão de tiro pressionado, ela mantém o raio ativo. Porém, é preciso ficar de olho na barrinha de energia que vai se esgotando. E o jeito de recarregar a magia é simplesmente ficar sem atirar.

A personagem também é acompanhada por criaturas que a seguem e ajudam no combate. E é possível ir trocando entre elas sempre que achar melhor. Essas criaturas são: um dragão que cospe fogo, um escudo de fogo, um lagarto atirador de bumerangues e um corvo que atira raios.

Mas claro! É preciso ter muito cuidado, pois os seus ajudantes também podem perder vida e morrer, sendo necessário encontrar um item específico para revivê-los. Além disso, eles também sobem de nível, ficando mais fortes e com uma barra de vida maior, assim como Alisia.

Se eu recomendo Alisia Dragoon? Com certeza! Apesar de ser um jogo que não teve continuações, e Alisia não ter aparecido posteriormente em outros jogos, este título com certeza é uma experiência única que vai garantir boas horas de diversão para quem curte um bom jogo de plataforma.

Dicas

Códigos

Logo no início do jogo, quando o logo da Sega sumir, segure o botão A até o logo da Game Arts desaparecer. Depois segure B até o da Gainax sumir. Segure C até “Music Composed By” sumir e segure Start quando as estrelas saírem do cristal. Depois disso é só usar os seguintes códigos durante o jogo:

Imortalidade – Pressione A no controle 2, a tela ficará preta. Depois pressione o botão de selecionar criatura no controle 1 e B no controle 2.

Aumentar o nível dos inimigos – Pressione A no controle 2, a tela ficará preta. Depois pressione Direita no controle 1 e B no controle 2.

Aumentar o nível do Lightning – Pressione A no controle 2, a tela ficará preta. Depois pressione Esquerda no controle 1 e B no controle 2.

Aumentar o HP – Pressione A no controle 2, a tela ficará preta. Pressione Cima no controle 1 e B no controle 2.

Aumentar poder do raio – Pressione A no controle 2, a tela ficará preta. Então pressione o botão de atirar raio no controle 1 e B no controle 2.

Pular fase – Pressione C no controle 2 e a tela ficará preta. Não pressione nada, apenas aguarde para pular a fase.

Modo Slow Motion – Frame por Frame – Pressione A no controle 2 e depois vá dando toqueas em A para cada frame passar.

Desativar modo Slow Motion – Pressione B no controle 2.

Para teleportar para cada fase, faça o seguinte. Pressione C no controle 2 e depois o código para cada fase:

  • Fase 1 – C
  • Fase 2 – B
  • Fase 3 – B + C
  • Fase 4 – A
  • Fase 5 – A + C
  • Fase 6 – A + B
  • Fase 7 – A + B + C
  • Fase 8 – Start

Vídeo

E vocês? Já jogaram Alisia Dragoon? Se jogou, comente o que acha do jogo. E se você conhece algum outro jogo marcante com personagem feminina, comente abaixo. Quem sabe ele não aparece aqui no Jogo Véio futuramente?

Mais textos relacionados
Leia mais por Sora
Leia mais em Análises

Veja também

Samurai Shodown – Espadas, sangue e honra nos Arcades da SNK

Ah, o Japão Feudal! Não havia coisa simplesmente mais animal do que um duelo envolvendo sa…