A prévia de Star Fox 2 (SNES) na Super GamePower

Ítalo Chianca / 30 de junho de 2017 / Revistas: Old News

Com o anúncio bombástico do lançamento da inédita segunda aventura de Fox e seus amigos para o SNES Classic Edition, aproveitamos para revisitar o empoeirado baú de relíquias do Véio a fim de relembrar o anúncio de Star Fox 2 na saudosa revista Super GamePower #12, há 22 anos. Pronto para se sentir velho de verdade?

Bomba intergaláctica

O ano era 1995, época em que a nova geração de consoles ganhava cada vez mais força com os seus títulos poligonais e os videogames de 16-bit se preparavam para uma bela despedida.

Enquanto PlayStation e Saturn recebiam um jogo atrás do outro, o Super Nintendo e o Mega Drive tinham os seus últimos grandes jogos saindo nesse momento de transição da indústria. E foi justamente nesse período que os jogadores foram surpreendidos com a chamada de capa da Super GamePower #12, de março de 1995.

Dividindo espaço com as chamadas para um especial sobre o PlayStation, dicas para X-Men, os detonados de Doom e Nosferatu, Mega Man para o Mega e as primeiras imagens de Street Fighter II: The Movie, o destaque da capa era o título:

STAR FOX II: A RAPOSA VAI VOLTAR

Sem arrodeios e com um Fox Maccloud gigante na capa, a Super GamePower, que custava R$ 4,00 na época, deixou os gamers malucos com o inesperado anúncio de um novo Star Fox para o Super Nintendo, principalmente pelo fato de que faltava pouco para o lançamento do Nintendo 64.

Realidade ou ficção?

Será que não era apenas mais um rumor maluco da época? Ou será que Star Fox 2 estava em desenvolvimento para o N64 e a revista fez uma confusão com as traduções das revistas gringas da época.

Nada disso. Aquele era mesmo o anúncio de um título inédito para o Super Nintendo, que, inclusive, já causava euforia na redação da SGP.  Segundo o querido Marcelo Kamikaze, “com 8 Mega de memória, o jogo, lançado em março de 1993, ajudou muito a aumentar tanto a fama como a fortuna da Nintendo, a fabricante do cart. Não é para menos que o clima na empresa é de alta expectativa para o lançamento da continuação deste petardo, que está programado para agosto deste ano”.

Faltando poucos meses para o lançamento, a notícia continuava animadora, principalmente os gamers brasileiros. Segundo o Kamikaze, “A Playtronic, representante da Nintendo no Brasil, planeja lançá-lo simultaneamente com os Estados Unidos”. E ele ainda completa: “Essa é para aplaudir de pé.”

Ainda mais estelar

Com 16 mega adicionais “usados para aumentar ainda mais a jogabilidade”, Star Fox 2 prometia aprimorar a experiência de jogo de seu antecessor. Segundo o texto, “aparentemente o jogo é muito parecido com o original”, mas “desta vez é possível jogar em tela dividida com dois jogadores simultâneos”, além de contar com “a inclusão de mais dois personagens em relação ao cart original – Lince e Ovelha – totalizando cinco personagens.”

Além dos novos personagens, cujos “nomes não estavam definidos na fita demo”, a grande novidade do jogo era que “a nave também sofreu suas reformulações, podendo se transformar em uma espécie de Robotech (aquele do desenho)” (?!)

Para completar as informações, vindas direto de “um contato em Kyoto” que teve acesso a um “protótipo de Star Fox 2″, a estrutura do jogo também sofreu algumas mudanças. Em Star Fox 2, “a rotação ficou mais fluente em todas as direções. As fases do primeiro foram substituídas por um interessante sistema de missões, tipo mate quatro naves, destrua o alvo etc…”. Star Fox prometia revolucionar mais uma vez.

Chip das estrelas

Um dos maiores atrativos do primeiro Star Fox era o chip Super FX, tecnologia que auxiliava o Super Nintendo a gerar polígonos, transformando o jogo em uma aventura 3D fora dos padrões da época. E para Star Fox 2, a Nintendo planejava aprimorar os efeitos do antecessor através do chip Super FX 2.

Segundo trecho da prévia, “a engenharia da Nintendo desenvolveu o SFX II com a promessa de um processamento mais rápido”. Tudo parecia melhorado nesse game. Uma rápida observada nas várias imagens do texto já dava a entender que Star Fox 2 seria mais um clássico para o 16-bit da Nintendo. Ou, como o Kamikaze concluiu, “se cumprida a meta, caros leitores, não tenho dúvidas que estaremos diante de um dos melhores lançamentos do ano.”

O retorno

Depois da matéria da SGP, Star Fox deixou de aparecer nas revistas, até ser finalmente cancelado pela Nintendo. O polco que soubemos do título era que alguns dos seus conceitos foram aproveitados em outros jogos da série, como Star Fox 64 e Star Fox Zero. Até algumas roms do jogo já circularam na internet, mas nunca em versão completa.

O jogo, aliás, estava mesmo finalizado segundo Dylan Cuthbert, programador do jogo, em entrevista ao IGN japonês. Mas acabou cancelado devido às condições de mercado. Segundo Dylan, “o PlayStation e Saturn foram lançados e, de repente, nosso estilo de 3D tornou ultrapassado e a Nintendo tinha uma rivalidade forte contra a Sony e Sega. Tenho certeza que a empresa não queria parecer inferior.”

Contudo, depois de estampar a capa de uma das maiores publicações brasileiras sobre games, deixando os jogadores ansiosos por mais uma jornada espacial revolucionária durante mais de duas décadas, Star Fox 2 finalmente será lançado oficialmente no dia 29 de setembro, quando o Super Nintendo Classic Edition chegar às lojas. E assim, finalmente, o Star Fox Team fará a alegria de milhares de jogadores que aguardaram, ansiosos, a sua continuação no Super Nintendo.

Do a Barrel Roll!

Compartilhe com a galera:

FacebookTwitterGoogle+



Leia a Revista Jogo Véio

Revista Jogo Véio - Gratuita, pra ler no PC, no Tablet e no Smartphone

Junte-se ao Asilo