As falas de videogames mais bizarras para os brasileiros

Lucas Rodrigues / 15 de maio de 2017 / Top 10

Na década de 90, como já sabemos, os Arcades eram um dos principais motivos de tantas crianças sumirem com as moedas que sobravam da compra da venda da esquina. A molecada se divertia gastando até o dinheiro do busão jogando clássicos como The King of Fighters e Cadillacs and Dinosaurs e voltava pra casa a pé, o que sempre valia a pena.

Com a popularização dos principais consoles de 16 bits, como o Mega Drive e Super Nintendo, a diversão passou para as locadoras, onda a história se repetia incondicionalmente. Era Street Fighter pra cá, Mortal Kombat pra lá. Entre um golpe e outro, a empolgação falava mais alto e acabávamos repetindo o nome do movimento com o personagem. O único problema era que os jogos estavam todos em inglês ou japonês, e ninguém falava esses idiomas. Logo, falávamos o que o limitado áudio dos consoles nos permitia entender.

Era cada pérola que nossos ouvidos escutavam que vale a pena lembrar algumas das que mais marcaram o pessoal do Jogo Véio. Confira a lista das 10 falas mais bizarras dos videogames para os gamers brasileiros.

10. Macaco usa pó

Quem já se divertiu com Dragon Ball GT: Final Bout sabe que era impossível saber o nome dos golpes originais. Hoje, na internet, podemos ver que o golpe de Piccolo nada mais era do que o famoso Makankosappo, responsável por mandar Goku ao submundo pela primeira vez enquanto segurava seu irmão Raditz.

Afinal, por que nossos ouvidos sempre tendem a colocar macacos na história de Dragon Ball?

9. Sai que eu dô

Athena, de The King of Fighters 97, é a responsável por essa pérola. Como poderíamos imaginar que a bela lutadora gritava “Psycho Ball”?

Ainda como uma variação de seu golpe, também ouvíamos alguns gritarem “sai gostoso”. Crianças possuem uma imaginação e tanto.

8. Marialelegá

Agora vamos de Mortal Kombat. Raiden é um dos personagens que possui um grave problema de dicção e nunca saberíamos o que ele diz durante o movimento Torpedo. Bom, eu ainda continuo sem saber o que ele grita.

7. Ali Baba aeee

Ainda sobre Mortal Kombat, o mesmo movimento no jogo seguinte da franquia também foi motivo de piadas entre os frequentadores de locadoras. Dessa vez, nem as mil e uma noites foram poupadas de uma boa piada. O pobre lenhador árabe ganha uma bela homenagem, e um lugar no nosso TOP 10.

Menção Honrosa

Mortal Kombat também merece destaque por um de seus ataques mais icônicos: a voadora com mistura de bicicleta invisível de Liu Kang. Este movimento parece ter sido dublado por um peru com diarreia.

Infelizmente esta pérola não entrará no TOP 10 por não ter uma onomatopeia bem definida. Provavelmente se você colocar a língua para fora da boca e balançar a cabeça rapidamente conseguirá reproduzir o mesmo som.

6. Alex Full

Mesmo mudando o jogo, a mania de falar as frases de qualquer jeito continua a mesma. Em Street Fighter 2, Guile faz uma pequena homenagem ao mascote da Sega segundo os brasileiros: Alex Kidd.

Hoje sabemos que, embora não pareça, o que ele diz é “Sonic Boom”, que nos faz lembrar de outro dos nossos mascotes favoritos: Sonic.

5. Toma Whey

Terry Bogard não poderia ficar fora dessa festa. Em The King of Fighters 97, o movimento Power Wave teve seu áudio bem mal-interpretado pela criançada. Mesmo que o suplemento vitamínico tenha se popularizado há pouco tempo, a garotada já sabia como dizer ao adversário que ele estava muito fraco para lutar.

4. Cuscuz

O Super Zutsuki de E. Honda em Street Fighter 2 é outro clássico quando se trata de coisas que falamos errado. Ao pular de cabeça no adversário, a garotada adorava gritar “Cuscuz”.

Só porque o cara é gordo precisa ficar falando de comida? Isso é preconceito!

3. Vai caminhão de leite

Não é nome de golpe em jogo de luta, mas também está valendo. Em Altered Beast, Zeus acorda o herói principal para uma jornada em busca de sua filha. O problema é que era impossível para uma criança não falante de inglês entender o comando do deus. Alguns falavam “vais fronho greis” e coisas similares, até que alguém entendeu que Zeus apenas queria um pouco de leite para tomar seu café da manhã em paz.

Ou talvez ele estaria despachando uma encomenda. Nunca saberemos

2. Ataque das corujas

O golpe da vez se chama Tatsumaki Senpukyaku. Com um nome desses, o apelido é certo. O furacão de pernas de Ryu e Ken foi um dos golpes que recebeu a maior variação de nomes bizarros já conhecida: Ataque das Corujas, Ataque Tartaruga, Papai quer Fruta, Pega o Freddy Krueger, Trek Trek Truguen, e vários outros, um mais bizarro que o outro.

1. Tiger Robocop

E o nosso campeão é o Tiger Robocop… quer dizer, Tiger Uppercut. Sagat, de Street Fighter 2, ficou muito conhecido pela criançada do bairro por falar do herói futurístico Robocop devido ao tremendo sucesso do filme no final da década de 80. Não dava pra imaginar qual a relação entre o golpe e um policial ciborgue. E se não bastasse isso, o que um tigre tem a ver com o Robocop?

Bem, pensar nessas relações estranhas não impediu a molecada de sair gritando o nome errado do golpe por anos e mais anos. Provavelmente há quem fale errado até hoje!

——————————————————————————————————————————-

Gostou, véio leitor? Deixe nos comentários quais coisas bizarras vocês acham que acabou ficando de fora dessa lista. Compartilhe histórias de locadora com a gente. Aqui é o lugar perfeito para lembrar de como nossa infância foi boa, mesmo falando esse monte de besteiras.

Compartilhe com a galera:

FacebookTwitterGoogle+

Leia mais sobre: , , , , ,


Leia a Revista Jogo Véio

Revista Jogo Véio - Gratuita, pra ler no PC, no Tablet e no Smartphone

Junte-se ao Asilo