Vairon’s Wrath: A velha e boa vingança

Eduardo Paiva / 5 de Abril de 2017 / Quase Véios

Origem e História

Vairon’s Wrath é um game criado pela Myoubouh Corp, um estúdio suíço de jogos independentes que tem paixão pelo estilo retrô e 2D. O jogo é do tipo ação/aventura e tem como inspiração nomes como The Legend of Zelda, Final Fantasy, Wild Arms e também Star Tropics e Neutopia. É um projeto ambicioso que levou 3 anos para ficar pronto e em nenhum momento tenta inovar, sendo esse o objetivo principal: criar um jogo, um mundo e uma história que beba da fonte da nostalgia e remeta aos velhos jogos de quando éramos criança. Um prato cheio para os leitores do Jogo Véio.

Tudo começa quando Vairon, um impetuoso, impaciente e mal-educado jovem da vila Yatapah acaba acidentalmente libertando uma grande força maligna que destrói toda a vila e seus habitantes, fazendo com que ele jure vingança e percorra o mundo em busca de localizar e derrotar todos os responsáveis por essa tragédia. Com esse temperamento difícil, ele vai precisar de ajuda para cumprir sua missão e durante sua aventura muitos personagens e segredos surgem para enriquecer a história.

Então torna-se sua responsabilidade conduzir o teimoso Vairon pelo mundo do game e ajudá-lo a superar todos os desafios que ele vai ter que enfrentar.

Apresentação

O mundo de Vairon’s Wrath é grande e bem diverso. Possui desertos, florestas, cavernas, regiões frias e tudo mais. Seus gráficos são simples, porém cumprem bem seu papel de nos transportar de volta aos tempos de SNES e é perceptível o cuidado e carinho que os desenvolvedores tiveram ao criar um mundo tão rico em detalhes e diversidade. E se você não prestar atenção, vai passar direto por lugares um pouco mais escondidos e que agregam ainda mais ao universo do jogo.

A trilha sonora é um ponto forte e possui mais de 70 músicas.  Isso mesmo, 70 músicas! E tem seu ápice na participação de Josh Mancell, compositor de Crash Bandicoot e Jak and Daxter, que acrescenta duas músicas ao repertório do game e com seu apelo retrô, vai fazer você se lembrar dessa época com carinho e saudosismo.

Gameplay

Vairon’s Wrath tem o combate simples, porém algumas lutas são desafiadoras e você vai precisar de um pouco de estratégia para conseguir o resultado positivo. Ao longo da jornada, você vai adquirir novos itens que vão servir tanto para o combate quanto para acessar novas áreas, bem no estilo Zelda. Vairon consegue até mesmo um Hookshot! E também bombas, arco e flecha, martelo, entre outras coisas. O interessante é que todas essas armas e itens vão sendo necessários para resolver os quebra-cabeças do jogo de uma forma bem orgânica e natural. E o que mais temos no jogo são quebra-cabeças. Não há progresso sem que você tenha que resolver um. Alguns fáceis, outros nem tanto. Nesse aspecto ficou faltando um pouco de variedade, pois mesmo você utilizando tudo que você tem ao seu dispor, na maioria das vezes a questão se resolve ativando botões e acionando alavancas para liberar o caminho.

Os inimigos são característicos de cada região e há pouca variedade em cada uma delas, mas como o jogo é extenso, não chega a ficar repetitivo. A maioria deles não oferece muito risco a Vairon, mas os chefes possuem muitos pontos de vida e vai fazer com que você faça ataques planejados de acordo com o padrão de golpes inimigo, ao invés de sair atacando às cegas. E quando a coisa ficar feia, você pode contar com uma série de itens para recuperar sua energia, como ervas, pães e carne.

Todos esses itens ficam ao seu dispor através de uma barra totalmente configurável, tornando cômodo e fácil o acesso aos itens e armas. Além do mais, o jogo é compatível com controle de PS4, tornando a experiência mais tranquila e agradável para quem gosta de utilizar controles, mesmo jogando no computador.

Não há sistemas de craft ou upgrade, nem tão pouco de level para o personagem, o que deixa um pouco a desejar. Algo que seria muito bem-vindo em uma possível sequência do jogo, já que seu final possui uma reviravolta que deixa aberta todas as possibilidades para uma continuação.

A tradução do jogo para inglês também não estava completa, mas durante o review ele foi atualizado algumas vezes, portanto isso não deve ser um problema agora.

Veredito

Vairon’s Wrath é um projeto ambicioso devido a sua extensão e proposta e na maioria das vezes cumpre o seu papel, homenageando suas inspirações com uma história simples, mas que se passa em um vasto e diversificado mundo cheio de detalhes e lugares a serem explorados.

Com ótimas trilhas sonoras e o visual agradável, o estúdio Myoubouh Corp entrou com pé direito no mercado de games retrô e é um jogo feito por pessoas apaixonadas pelo que fazem, resultando em uma viagem no tempo no melhor estilo 16 bits.

O jogo foi lançado na plataforma Steam (acesse aqui!) no dia 27 de maio de 2016.

Compartilhe com a galera:

FacebookTwitterGoogle+

Leia mais sobre: , ,


Leia a Revista Jogo Véio

Revista Jogo Véio - Gratuita, pra ler no PC, no Tablet e no Smartphone

Junte-se ao Asilo